Imagem capa - Mini wedding em Maringá, o casamento para poucas pessoas: vantagens e desvantagens por Elisson Andrade
Dicas

Mini wedding em Maringá, o casamento para poucas pessoas: vantagens e desvantagens

Apoiados na ideia de trazer aos casamentos um ar intimista, no qual só aquelas pessoas mais ligadas ao casal estarão presentes, os casamentos com poucos convidados são mais do que nunca uma tendência no cenário de pandemia mundial da Covid-19.


Pensar em listas enormes de convidados sempre foi um desejo entre os noivos que tem muitos amigos e uma família. Porém, fazer um casamento para tantos convidados além de ser dispendioso monetariamente (caro), se tornou uma dor de cabeça enorme pela preocupação com a saúde de todos os convidados e profissionais envolvidos.


Eu, Elisson Andrade, fotógrafo de casamentos desde 2015, acho pouco provável, no cenário atual conseguirmos aprovação das autoridades para, realizarmos eventos com um grande número de pessoas.


Por isso, resolvi escrever um pouco sobre as vantagens e desvantagens de se organizar um casamento para poucos convidados, o tal do mini-wedding.


E pra começar, vou falar da grande, fascinante, esperada e nem sempre verdadeira vantagem: custo menor


comparativo de fornecedores com desconto para mini-weddings em Maringá


É claro que quando falamos de mini-weddings a primeira coisa que pensamos é que teremos um custo menor envolvido para a realização do evento. Mas aí vem um questionamento: será?


Bem, vou citar alguns exemplos de fornecedores que podem oferecer algum desconto pela quantidade reduzida de convidados ou pelo porte do casamento:

- Buffet;

- fornecedor de bebidas;

- conviteria/papelaria;

- local (com grandes ressalvas);

- decorador (com grandes ressalvas);

- fotógrafo de casamento (com grandes ressalvas);

- videomaker (com grandes ressalvas);


As ressalvas com relação ao fotógrafo e videomaker são relacionadas às especificidades de cada fotógrafo profissional: há aqueles que acreditam que para um mini-wedding, a equipe de trabalho tem que ser reduzida, outros não. Há ainda, a questão do serviço oferecido, que é essencialmente o mesmo (ainda que exista diferença em quantidade de convidados, o material sempre será um conjunto dos melhores momentos do dia do casamento expresso em fotografias).


Por isso, quando o assunto é "fotos de casamento", é importante dizer que não há uma verdade absoluta em afirmar que as fotos serão mais baratas para um casamento com 50 pessoas ou para outro com 250 convidados.


No meu caso, aqui em Maringá/PR, para casamentos menores, com até 60 convidados, ofereço um orçamento reduzido/com desconto.


Fotografia de casamento pequeno em Maringá/PR, mini wedding, noivos se beijando na saída do casamento


Já quando falamos sobre o local da recepção/festa, pode haver uma boa economia, por se tratarem de locais menores. Porém, há espaços destinados a pequenos casamentos que oferecem uma estrutura maravilhosa, as vezes luxuosa, dessas que vemos em nossos filmes preferidos; e esses lugares não são baratos, eles valem cada centavo investido. Posso aqui citar o exemplo de um casamento que fotografei em Cancún. O lugar era maravilhoso, o verdadeiro cenário dos sonhos e por isso, com certeza, demandou um investimento maior.


foto de casamento em cancún, destination wedding, fotógrafo de casamento de maringá


Com relação ao decorador, a economia maior não tem relação direta com a quantidade de convidados, mas sim com o fato de que os mini-weddings fazem uso de decorações minimalistas, na maior parte das vezes; o que traz economia na compra de flores, por exemplo. Entretanto, assim como o local, existem tantas especificidades na contratação do decorador, que é impossível afirmar que o orçamento será menor em qualquer situação.


decoração de casamento pequeno, mini-wedding, varias fotos com decoração e papelaria de casamento


E quanto aos demais fornecedores? Bem, não altera em nada (ou muito pouco).


Mas então qual é, de fato, a grande vantagem de um casamento para poucos convidados?


Para mim, a ideia de que teremos um casamento totalmente único e intimista (com apenas as pessoas mais próximas à nós) é o ponto mais importante.


Além disso, outra verdade é de que no cenário de pandemia mundial sanitária é mais provável conseguirmos realizar um casamento pequeno do que um casamento com muitos convidados.


E quanto às desvantagens?


A desvantagem matadora: fazer a lista de convidados.


O grande terror das noivas maringaenses, e acredito que de qualquer lugar, é montar uma lista de convidados enxuta, porém nessas horas a dica maior é pensar nos melhores momentos da sua vida do último ano. Quem estava com você? Essas são as pessoas que têm que estar no seu casamento.


Menos presentes.


Parece estranho pensar nisso, mas não sejamos hipócritas, muitos casais esperam os presentes dos convidados para ajudar na árdua tarefa de montar a casa. E quando a quantidade de convidados é menor, naturalmente a quantidade de presentes recebidos também é.


Outro ato polêmico nos casamentos aqui em Maringá, é “cortar a gravata”. Por ser tão polêmico, nem entrarei no mérito, mas em mini-weddings é raro vermos acontecer esse momento.


Preparei um infográfico pra vocês com as vantagens e desvantagens dos mini-weddings:


CLIQUE PARA BAIXAR infografico de vantagens e desvantagens em fazer um casamento pequeno, estilo mini-wedding

(clique para baixar)


GOSTOU DO TEXTO? QUER SUGERIR ALGO OU PEDIR UM ORÇAMENTO? CLIQUE AQUI